sábado, 5 de setembro de 2009

O romance que (ainda) não foi

Quem eles são? Lenner e Allobi.
Por que eles são interessante? Porque são o não casal mais apaixonado que existe.

“…so I won't hesitate no more, no more.
It cannot wait, I'm sure,
there's no need to complicate, our time is short .
This is our fate, I'm yours…”

Jason Mraz. I’m yours.

As personagens

Lenner é um garoto peculiar. Muito atraente, do tipo modelo mesmo. Sua aparência, é claro, desperta brilho nos olhos de muitas meninas. E por isso ele construiu uma imagem (mesmo que não totalmente verdadeira) de cafajeste. Essa imagem apenas esconde seu medo de amar de verdade. Ele tem dificuldade para lidar com sentimentos. Allobi é uma menina inteligente. Bonita também, mas de uma beleza mais discreta. Aprendeu (ou acha que aprendeu) a lidar com o amor de uma forma racional. Isso por ter passado por situações complicadas no passado. Ela é sensual para muitos por inspirar uma aura de mistério. Além disso, sabe namorar como ninguém.

A História

Lenner e Allobi tinham tudo para se odiarem, e, aliás, se odiaram por alguns instantes. O passado de ambos revelava uma experiência amorosa em comum da qual eles guardavam um certo trauma. E esse trauma fez os dois começarem uma amizade interessante.

De cara, se deram muito bem. Caçoavam da própria desgraça por compartilharem da mesma. E tinham uma sintonia incrível para conversar sobre este ou qualquer outro assunto. Aos poucos, começaram a perceber que poderiam ser mais do que bons amigos.

Lenner não dava o braço a torcer. Fazia o tipo galã para todas, mas não conseguia se exibir para Allobi. Alfinetava todas as meninas por suas atitudes atiradas, mas não conseguia condenar o interesse de Allobi. Às vezes era até desrespeitoso em suas críticas, mas era incapaz de criticar Allobi.

Allobi se fazia de desentendida. Não conseguia ficar um dia sem se lembrar de Lenner, mas quando o encontrava, não falava nada. Queria confessar a Lenner que ele era o homem da vida dela, mas ele era um cafajeste, embora ela soubesse que com ela seria diferente. Falava dele com brilho nos olhos, mas era incapaz de cogitar um romance.

Lenner sabia que, se um dia se envolvesse com Allobi, seria um relacionamento perfeito. Ele sabia que por ela se apaixonaria e amaria de verdade. Allobi, por sua vez, queria mais do que tudo dar uma chance para Lenner. Mas eles continuavam separados.

Quando conversavam, ambos sabiam o que se passava na cabeça um do outro. Ambos sabiam que o correto era que eles parassem de falar e se beijassem, parando de perder o tempo que poderia ser precioso. Mas nem sempre o amor age na velocidade que gostaríamos, e às vezes precisa de um empurrãozinho para acontecer. Qualquer hora ele viria.
__________
Gostou? Quer se transformar em um personagem também?

Mande um e-mail para historiacolorida@yahoo.com.br falando um pouco sobre você e qual história gostaria de ver contada aqui numa versão um pouco mais mágica. Sua identidade será preservada por um codinome.

Vai ser um prazer conhecer você!

5 comentários:

JaqueHarumi disse...

Mto boa a história, como sempre!
Mas, nesta e na da Wix, vou ficar devendo um chute (em pensamento) de quem são. Afinal, como vc msm disse, "vcs não são meus únicos amigos"... rs.

Uma infinidade de possibilidades se instala o.O

Lucas disse...

Finalmente eu sei de novo de quem se trata. ahuhuahuahuauhahuahuahuahau

Só falo uma coisa: oooooun.

ahuahuahuahuahuahuahuahuauhahuau

Éverton Resende disse...

Adorei. *-*
Tomara que ainda ouçamos falar muito dessas personagens.

Rodolfo disse...

*------* eu adorei esse texto *-* HUHAUE'\ já ví um caso parecido ;D

яσσdσx Izαgυiяяє disse...

*-*